Existem diversos fatores que influenciam no sucesso de um negócio online: site regularmente atualizado, funil de vendas, marketing, mídias sociais e publicidade. No entanto, tudo isso é em vão se você não estiver recebendo um fluxo suficiente de pessoas que de fato comprem seu produto. Não basta atrair visitantes, é preciso convertê-los em clientes.
Na maioria dos casos, é fácil chegar à conclusão que as vendas precisam ser aumentadas, o problema é: como fazer isso? Existe a opção de investir em publicidade, passar mais tempo fortalecendo seu relacionamento com o público por meio de redes sociais, fazer promoções sazonais, no entanto, é possível alavancar suas vendas sem nenhum desses recursos.
Quando se trata de otimizar seu site para aumentar o número conversões, os elementos visuais da página desempenham um papel muito importante. Entenda por visual as cores, imagens, sugestões?comentários e a posição de chegada ou saída das páginas. Abaixo mostramos sete dicas para aumentar significativamente suas conversões apenas com ajustes visuais:
1. Call to action (CTA)
Os botões de chamada à ação (CTA) são uma das coisas mais simples de se testar. Existem cerca de seis variáveis a respeito deste recurso, porém uma das mais importantes é a cor dele. Recentemente, foi lançada uma nova página de destino para Visme, um aplicativo para criar apresentações e infográficos interativos.
 img1_2.png 
Nesta primeira imagem, você pode ver que o CTA se destaca do resto da página. Mas, se não tiver certeza sobre quão destacado está seu botão, basta apertar os olhos. Parece brincadeira, mas o CTA só passa no teste de visibilidade quando, mesmo com a visão embaçada, ainda consegue se destacar dos demais elementos. Vamos olhar para a imagem abaixo, turva. Pode-se notar que ele passa facilmente no teste de estrabismo.
    img2.png    
Outra alternativa é aumentar o tamanho do seu botão. Normalmente, os leitores têm um visão padronizada “em forma de F”, na qual você deve se atentar. No caso da página do Visme acima, um telespectador vai olhar primeiro para o logotipo (canto esquerdo), o botão de login ao lado (canto direito) e voltar para o CTA, o que é ideal para mais inscrições. Sendo assim, a sugestão é projetar o CTA de forma mais favorável a tomada de decisão dos usuários.
 img3.png 
2. A força das imagens 
Se você possui um negócio online há muito tempo, com certeza conhece o MailChimp. Não se pode ignorar a mascote, um chimpanzé. Eles usam cores suaves e um animal memorável para chamar atenção do usuário, tornando a marca inesquecível.
 img4_0.png 
Em geral, mascotes são uma ótima maneira de impactar visualmente seu público. Mas mesmo que sua marca não tenha uma, sempre é possível usar uma imagem eficaz a fim de conduzir o cliente à ação. Ela deve ser o principal elemento criativo da sua página, com o objetivo de fortalecer o seu título e a proposta de valor. Vejamos um exemplo da Zipongo.
 img6.png 
 
A imagem no topo transmite o frescor de alimentos saudáveis e imediatamente captura a atenção do leitor. Por outro lado, é possível ter clareza sobre o que essa página faz? O que significa “Tornamos mais fácil comer bem”? Será que se trata de um aplicativo de monitoramento de saúde? Não dá pra ter certeza. Repare nesta outra foto.
 img7.png 
 
“Go Foods irá mostrar quais alimentos são bons para você”. Desta forma, a proposta de valor está mais clara e a imagem continua sedutora. Em seguida, eu vou para página “Sobre” e finalmente é possível entender que isso é um aplicativo que planeja refeições de forma  personalizada, além de oferecer descontos em supermercados. Assim, sua imagem precisa estar em harmonia com os demais elementos para fazer sentido de forma geral.
3. Psicologia das Cores  
Você provavelmente já ouviu falar sobre a significação das cores: laranja é para a confiança, azul e verde inspiram confiabilidade, e etc. Porém, nem sempre funciona desta forma. Ao estudar a psicologia das cores, não se esqueça de levar em consideração o contexto. Uma cor que converte melhor para o seu concorrente não necessariamente fará o mesmo por você.
É importante observar a harmonia entre as cores do plano de fundo e as de primeiro plano, bem como outros elementos-chave em sua página. As cores são extremamente dependentes da escolha pessoal de um visitante, cultura, educação e do contexto em que são usados. Por isso, realize o teste A/B cada vez que você usar uma nova cor de botão CTA ou um novo tema para sua página.
Em suma, amarelo brilhante não necessariamente significa “feliz”. Claro, se for combinado com um rosto sorridente, denota felicidade. Mas se ele é usado como cor de fundo do seu site, isso significa que você precisa de algumas aulas básicas sobre interface do usuário. Lembre-se que as pessoas estão sempre comprando um sentimento específico, e não só um produto. Se você é um entusiasta da Harley Davidson, está comprando essencialmente as sensações de ousadia, atitude e liberdade.
Se eles começarem a fazer motos cor-de-rosa amanhã, o fã da marca iria comprar? Provavelmente não, porque o que eles estariam vendendo não corresponderia à personalidade da marca. O seu valor percebido sobre eles mudaria completamente.
Confira este <a href =https://blog.crazyegg.com/2014/04/18/color-value-evolution-logos/>infográfico Crazy Egg</a> e veja outras pesquisas sobre cores das marcas.
4. Contraste  
Seus elementos mais importantes, como um botão de CTA ou um formulário de inscrição, devem ter grande destaque no site. Como mostrado acima, você pode descobrir se o CTA passa no teste de visibilidade desfocando sua página. Isso nada mais é que incorporação de contraste em seu design.
Na página de destino do Visme, vimos que a cor verde se destacou como um oásis no deserto, pois foi usado um princípio psicológico conhecido como “efeito de isolamento”. Essencialmente, um elemento que se destaca dos demais será mais facilmente reconhecido e lembrado. Observe como Copyblogger usa este princípio. O botão “Criar Conta” está em contraste com o resto da página, dirigindo a atenção do visitante para ele.
 img8.png 
5. Espaço em Branco  
A última coisa que queremos é que um visitante prestes a clicar em “Compre Agora” não o faça porque não encontrou o botão. Para evitar tais problemas, certifique-se de usar a quantidade certa de espaço em branco em torno de seus elementos. Lembre-se, o espaço em branco não tem que ser branco ou de cor sólida, é apenas o espaço entre os itens, uma forma eficaz de enfatizar seu CTA e títulos.
Continuando com o exemplo do Copyblogger, confira o seu design minimalista. Eles não têm medo de usar muitos espaços em branco em seu site, porque na verdade isso não fere a experiência do usuário, pelo contrário, faz com que o leitor se encontre no site e absorva melhor as informações.
 img9.png 
6. Banco de imagens  
Ainda existem muitos profissionais que utilizam fotos muito ruins, que não inspiram credibilidade e confiança na marca. Nem toda fotografia é ruim, é possível comprar boas fotos, obter emoções reais, isso torna seu site mais atraente e aproxima a marca do cliente.
7. Direção do olhar 
Um estudo feito com o shampoo Sunsilk mostrou que o rastreamento do olhar é muito importante, embora muitas vezes seja ignorado pelas marcas. Considere as imagens abaixo, por exemplo:
 img10.png 
 img11.2.png 
Quando a primeira imagem foi testada usando um mapa de calor, apenas algumas pessoas olharam para o produto. Elas olharam principalmente para o headline. Mas quando o olhar da modelo foi alterado, os resultados foram impressionantes. Na segunda imagem, ela mudou a direção do olhar, fazendo com que os usuários seguissem sua sugestão e focassem no produto.
Contudo, pistas direcionais podem ser explícitas demais. Pense em setas e ponteiros. Salesforce faz isso muito sutilmente em sua página, ao lado da copy no CTA. Você vê pequenas setas ao lado de “Free Trial”, “View Demo” e “Small Business Solutions”?
          img11.png         
Uma boa página de destino converte. Você não precisa de sinais e assobios chamativos. Basta não se esquecer dos elementos acima ao projetar seu site. Os seres humanos são extremamente visuais, organize bem os elementos da sua página e verá a diferença.
Fonte: http://blog.crazyegg.com/2014/06/13/simple-design-tweaks/

Tag: , , ,

Google Marketing Platform Certified
Google Analytics Google ADS Google Tag Manager Google Optimize Google Data Studio Firebase

Somos uma empresa certificada pela Google em Analytics há 8 anos, desde 2012. Temos ampla experiência em inteligência de dados e métricas digitais, com mais de 50 projetos bem sucedidos em grandes empresas.

Precisa de ajuda ou quer saber mais? Entre em contato conosco e siga nossas redes sociais.

[email protected]
+55 (21) 4141-3315
+55 (21) 4141-3312